Cor

A cor (uC) de uma água é conseqüência de substâncias dissolvidas. Quando pura, e em grandes volumes, a água é azulada. Quando rica em ferro, é arroxeada. Quando rica em manganês, é negra e, quando rica em ácidos úmidos, é amarelada.

A medida da cor de uma água é feita pela comparação com soluções conhecidas de platina-cobalto ou com discos de vidro corados calibrados com a solução de platina-cobalto. Uma unidade de cor corresponde àquela produzida por 1mg/L de platina, na forma de íon cloro-platinado. Especial cuidado deve ser tomado na anotação do pH em que foi realizada a medida, pois sua intensidade aumenta com o pH. Da mesma forma a cor é influenciada por matérias sólidas em suspensão (turbidez), que devem ser eliminadas antes da medida.

Para águas relativamente límpidas a determinação pode ser feita sem a preocupação com a turbidez.

Neste caso a cor obtida é referida como sendo aparente.
Em geral as águas subterrâneas apresentam valores de cor inferiores a 5mg de platina.
Para ser potável uma água não deve apresentar nenhuma cor de considerável intensidade. Segundo a Portaria 2914 do Ministério da Saúde o índice máximo permitido deve ser inferior a 15 mg Pt/L.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *